O Centro Pop, Consultório na Rua e Casa do Caminho, unidades da Prefeitura de Teresina que prestam atendimento à população em situação de rua, estão mantendo o suporte essencial como alimentação e banheiros, além de disponibilizar máscaras, álcool 70 e kits de higienização para os profissionais e usuários do albergue. A forma de atendimento a esse público foi adaptado de acordo com as medidas de prevenção à pandemia de Coronavírus para evitar aglomerações.

O atendimento no Restaurante Popular também está suspenso e a Secretaria Municipal de Cidadania, assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) passou a disponibilizar quentinhas em um carro em pontos estratégicos do Centro de Teresina. Ao todo, são 70 refeições diárias destinadas a este público.

“Diariamente a Semcaspi, em parceria com Fundação Municipal de Saúde (FMS), estará distribuindo quentinhas no Centro da cidade em um veículo, portanto, evitando gerar as aglomerações que tanto nós estamos combatendo nesse momento de pandemia. Outra medida é a disponibilização de álcool na Casa do Caminho, caso algum morador de rua busque para limpeza das mãos a fim de evitar mais contaminações pelo coronavírus”, explica o secretário da Semcaspi, Samuel Silveira.

Mesmo com a suspensão dos atendimentos e acolhimento dos usuários, estas unidades seguem com uma equipe reduzida utilizando máscaras e luvas como equipamentos de proteção individual na ação de distribuição das refeições. A equipe é composta por agentes de proteção social da Semcaspi.

O coordenador da Casa do Caminho, Edson Araújo, afirma que diante dessa situação de isolamento social, as pessoas em situação de rua ficam ainda mais vulneráveis. A Casa manterá o uso dos banheiros aos usuários do serviço de forma controlada.

“Devido à saúde já fragilizada, com imunidade baixa e também devido à ausência de possibilidades na rua, estas pessoas ficam mais vulneráveis ainda. Então, o albergue juntamente com o Centro Pop e Pastoral de Rua acabam sendo pontos de referência para eles, ainda mais neste momento. Estamos direcionando os alimentos e material de higiene que recebemos para os usuários que estão em trânsito na região circunvizinha e, na medida do possível, liberamos os banheiros”, informa.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).