A Defesa Civil de Teresina realiza hoje (25), monitoramento e atendimento em bairros com áreas de risco na capital. Segundo o levantamento do órgão, a Vila Mocambinho, Poti Velho, Mafrense, São Joaquim, Parque Alvorada, Santa Maria da Codipi, e a região do Parque Lagoas do Norte, na zona Norte de Teresina foram consideradas as de maior gravidade após as chuvas do fim de semana.

Segundo a Defesa Civil Municipal, estão sendo dadas prioridade para esses locais , considerados os de risco mais grave, com ênfase de monitoramento nas áreas mais críticas. A população pode entrar em contato por meio de ligação gratuita para o número 153 e solicitar auxílio. A recomendação preventiva é que se aguarde a drenagem do espaço para poder sair em segurança e não adentrar em superfícies emersas pela água.

Reforça-se a importância de estabelecer relação próxima com a Defesa, para que os alertas resultantes do trabalho de monitoramento tenham alcance cada vez maior e mais efetivo. “Lembrando a população teresinense que, em situação de alagamentos, deslizamentos, desabamentos ou simplesmente situação de risco identificada e avaliada pelos próprios moradores, já se pode entrar em contato a Defesa Civil por meio do número 153”, destaca Sebastião Domingos, coordenador da Defesa Civil Municipal.

Além do 153, a população pode solicitar previamente um atendimento à Defesa Civil de Teresina também, via ofício, na sede da Semcaspi. A Secretaria fica na Rua Álvaro Mendes, 861, no Centro. Mais informações, pelo telefone (86) 3215-7485.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).