Guarda Municipal de Teresina captura suspeito de assalto no centro da capital

A Guarda Municipal de Teresina prendeu, na tarde desta terça-feira (19), um suspeito de assaltar uma perfumaria na Rua Aurelino de Abreu, no centro de Teresina. O indivíduo, identificado como Moisés Do Santos Oliveira, abordou a atendente do estabelecimento e ameaçou a vendedora com uma faca.

Após o crime, o acusado tentou fugir, mas dois guardas municipais capturaram e o encaminharam para a Central de Flagrantes de Teresina, junto com os produtos do assalto. A Guarda Municipal atua em pontos fixos nas praças da Bandeira, Rio Branco e do Fripisa, nos parques Lagoas do Norte, Estação da Cidadania e Encontro dos Rios, no Centro Unificado de Esporte e Lazer (CEU) Sul e Norte e Complexo Esportivo José Ponce Filho (Parentão).

A GCM realiza ainda, o patrulhamento no Centro Pop, Restaurante Popular de Teresina, Praça dos Skatistas e Corredores e Terminais de Integração do Itararé, do Parque Piauí, Bela Vista e Av. João XXIII. Para contato com o órgão a população pode ligar, gratuitamente, para o número 153.

Novo espaço do Centro Pop é inaugurado em Teresina

A Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi) inaugurou, na manhã desta quinta-feira (21), a nova sede do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua, o Centro POP. O espaço, que fica localizado na Rua Félix Pachêco, Nº 1352, visa ao acompanhamento de cerca de 100 pessoas em situação de rua na capital.

O novo espaço também vai fazer o encaminhamento de pessoas em situação de rua para o Restaurante Popular de Teresina. O Centro POP representa um local de referência para o convívio social e o desenvolvimento de relações de solidariedade, afetividade e respeito, ofertando atendimentos individuais e coletivos.

É um centro de referência muito importante, que oferece atendimento com psicólogas e assistentes sociais para pessoas em situação de rua. Também contamos com o SEAS, Serviço Especializado em Abordagem de Rua, onde os agentes de proteção social estão diariamente no espaço da rua para identificar essas situações de risco e fazer o melhor encaminhamento para essas pessoas”, destaca Layla Paiva, Coordenadora da Divisão de Média Complexidade da Semcaspi.

O Centro também oferta oficinas e atividades de convívio e socialização, além de ações que incentivem o protagonismo e a participação social das pessoas em situação de rua. “É muito importante proporcionar para Teresina um melhoramento dos equipamentos sociais disponíveis pela assistência, em particular nesse momento, com um novo local para o Centro Pop. O novo espaço é mais qualificado para melhor atender a pessoa em situação de rua”, pontua o secretário da Semcaspi, Samuel Silveira.

Sobre o espaço

O Centro POP constitui-se em uma unidade de referência da Proteção Social Especial de Media Complexidade, de caráter público estatal, com papel importante no alcance dos objetivos da Política Nacional para a População em Situação de Rua. As ações desenvolvidas pelo Centro POP e pelo Serviço Especializado para Pessoas em Situação de Rua devem integrar-se às demais ações da política de assistência social, dos órgãos de defesa de direitos e das demais políticas públicas.

São esses órgãos saúde, educação, previdência social, trabalho e renda, moradia, cultura, esporte, lazer e segurança alimentar e nutricional – de modo a compor um conjunto de ações públicas de promoção de direitos, que possam conduzir a impactos mais efetivos no fortalecimento da autonomia e potencialidades dessa população, visando à construção de novas trajetórias de vida.

Corso 2019: 30 guardas municipais vão fazer o patrulhamento durante o evento

Já está definido o número de guardas municipais que vão, junto com a Polícia Militar, garantir a segurança dos foliões durante o Corso de Teresina, que acontece dia 23 de fevereiro. De acordo com o comando da Guarda Civil Municipal, o evento contará com um efetivo de 30 gcm’s espalhados em pontos estratégicos ao longo da Avenida Raul Lopes.

De acordo com o Capitão Monteiro Silva, comandante da Guarda, o órgão já definiu os pontos de presença dos guardas. “As equipes que estarão na avenida, vão realizar revistas e abordagens para garantir a tranquilidade do folião. Nossa meta é atingir os mesmos resultados do ano passado no que diz respeito a segurança, com o menor número de ocorrências possíveis”, destaca o Capitão Monteiro Silva.

Além disso, o Corso deste ano contará com um centro integrado de segurança, para dar suporte às ações dos guardas e dos demais órgãos de segurança do evento. As ruas que ficam nas proximidades da Avenida Raul Lopes também vão receber um apoio na segurança, especialmente para evitar o roubo ou furto de veículos na região.

A Guarda Municipal de Teresina atua em pontos fixos nas praças da Bandeira, Rio Branco e do Fripisa, nos parques Lagoas do Norte, Estação da Cidadania e Encontro dos Rios, no Centro Unificado de Esporte e Lazer (CEU) Sul e Norte e Complexo Esportivo José Ponce Filho (Parentão). Realiza, ainda, o patrulhamento no Centro Pop, Restaurante Popular de Teresina, Praça dos Skatistas e Corredores e Terminais de Integração do Itararé, do Parque Piauí, Bela Vista e Av. João XXIII. Para contato com o órgão a população pode ligar, gratuitamente, para o número 153.

Prefeitura de Teresina inaugura novo espaço do Centro Pop nesta quinta-feira (21)

A Prefeitura de Teresina inaugura, nesta quinta-feira (21), a nova sede do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua, o Centro POP. O novo espaço fica localizado na Rua Félix Pachêco, Nº 1352. A mudança acontece em virtude da reforma em curso no espaço original do serviço. Os recursos para o novo espaço são do próprio município.

O serviço, vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), acompanha mais de 100 pessoas em situação de rua na capital. São realizados cerca de 500 atendimentos mensais, junto com a Casa do Caminho. A Casa também faz o encaminhamento de pessoas em situação de rua para o Restaurante Popular de Teresina.

“O Centro Pop é um centro de referência muito importante, que oferece atendimento com psicólogas e assistentes sociais para pessoas em situação de rua. Também contamos com o SEAS, Serviço Especializado em Abordagem de Rua, onde os agentes de proteção social estão diariamente no espaço da rua para identificar essas situações de risco e fazer o melhor encaminhamento para essas pessoas”, destaca Layla Paiva, Coordenadora da Divisão de Média Complexidade da Semcaspi.

O espaço representa um local de referência para o convívio social e o desenvolvimento de relações de solidariedade, afetividade e respeito, ofertando atendimentos individuais e coletivos. O Centro também oferta oficinas e atividades de convívio e socialização, além de ações que incentivem o protagonismo e a participação social das pessoas em situação de rua.

A inauguração acontece às 10h, no novo endereço. “É muito importante proporcionar para Teresina um melhoramento dos equipamentos sociais disponíveis pela assistência, em particular nesse momento, com um novo local para o Centro Pop. O espaço é mais qualificado para melhor atender a pessoa em situação de rua”, pontua o secretário da Semcaspi, Samuel Silveira.

Guarda Municipal captura suspeito de assalto no Centro de Teresina

A Guarda Municipal capturou, na tarde desta segunda-feira (12), um suspeito de realizar um assalto na Rua David Caldas, no Centro de Teresina. O indivíduo, de identidade não revelada, já possuía mandato de prisão aberto e portava uma arma branca e um simulacro, que ele utilizava para a abordagem das vítimas.

A guarnição, que estava em patrulhamento no momento, realizou a prisão e conduziu para a Central de Flagrantes de Teresina. Com ele, foram apreendidos ainda uma quantia de R$ 550 reais em dinheiro, além de objetos pessoais. “Essa é mais uma ação que comprova que o trabalho da Guarda Civil Municipal vem dando certo dentro da política da construção de espaços públicos seguros. Assim, a presença da Guarda no centro, mais uma vez, produziu bons resultados e o órgão cumpre seu papel de cuidar do patrimônio público, mas com um olhar bem próximo das pessoas que circulam nesses locais”, afirma Samuel Silveira, secretário da secretário municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi).

A Guarda Municipal de Teresina atua em pontos fixos nas praças da Bandeira, Rio Branco e do Fripisa, nos parques Lagoas do Norte, Estação da Cidadania e Encontro dos Rios, no Centro Unificado de Esporte e Lazer (CEU) Sul e Norte e Complexo Esportivo José Ponce Filho (Parentão). Realiza, ainda, o patrulhamento no Centro Pop, Restaurante Popular de Teresina, Praça dos Skatistas e Corredores e Terminais de Integração do Itararé, do Parque Piauí, Bela Vista e Av. João XXIII.

Para contato com o órgão a população pode ligar, gratuitamente, para o número 153.

 

Guarda Municipal em 2018: mais de 300 porções de drogas são apreendidas em Teresina

A Guarda Civil Municipal de Teresina divulgou o relatório de atuação entre os meses de janeiro a dezembro de 2018. Em números gerais, foram apreendidas 323 porções de droga. A maior parte dos entorpecentes é de substâncias análogas à maconha e crack. Além disso, foram apreendidas 119 armas, sendo a maior parte de armas brancas e simulacros, e cerca de 850 reais em dinheiro de origem no tráfico.

De acordo com o comando da Guarda Municipal, as equipes recuperaram 34 veículos, sendo 26 motocicletas, oito carros e duas motos depenadas. Em pelo menos 43 situações, as equipes da GCM promoveram assistência à comunidade, prestando socorro à população. As ocorrências mais frequentes são os acidentes de trânsito, além do atendimento a casos de violência contra a mulher.

Das 63 conduções à Central de Flagrantes, casos de tráfico de drogas, furto e suspeita de roubo são maioria. De acordo com o secretário municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), Samuel Silveira, os bons índices se devem às patrulhas de rotina e ao contato com a população, seja por meio da presença nos espaços públicos ou pelas ligações, feitas gratuitamente, ao número do órgão, o 153.

“A guarda tem mostrado bom trabalho de acordo com o planejamento articulado. Em 2018, ela seguiu se fortalecendo operacionalmente e mostrando, principalmente, uma forte recuperação de veículos furtados e roubados. Ao assegurar a integridade do patrimônio e dos espaços públicos com eficiência, se consolida como uma presença que traz sensação de segurança às famílias teresinenses”, destaca Samuel Silveira.

Criada por meio da Lei complementar n° 3.834, a Guarda Civil Municipal de Teresina é vinculada à Semcaspi. A atuação da Guarda acontece nas praças da Bandeira, Rio Branco, Fripisa; nos parques Lagoas do Norte, Estação da Cidadania, Floresta Fóssil e Parque Encontro dos Rios; Centro Unificado de Esporte e Lazer (CEU) Sul e Norte e Complexo Esportivo José Ponce Filho (Parentão); além de patrulhamentos preventivos no Centro Pop, Restaurante Popular de Teresina, Praça dos Skatistas e Corredores e Terminais de Integração do Itararé, do Parque Piauí e Bela Vista.

Uma nova chance na vida: Pessoas em situação de rua concluem curso profissionalizante em Teresina

A tarde dessa terça-feira (4) foi de muita alegria na sede da Casa do Caminho, instituição vinculada à Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi). O motivo foi a conclusão do curso profissionalizante para pessoas em situação de rua, que são atendidas pela Casa. Ao todo, foram 19 pessoas que terminaram o curso de Serviços Gerais, ofertado pelo projeto Livre para Viver.

Ao final do curso, elas receberam o certificado assinado pelo secretário da Semcaspi, Samuel Silveira, e estão aptas para exercer a profissão no mercado de trabalho, podendo, ainda, buscar mais formação, pois, com a conclusão das aulas, a perspectiva é de que, já no mês de dezembro, seja definido um novo curso para ser ofertado. O projeto Livre para Viver visa à promoção dos direitos de cidadania para pessoas em situação de vulnerabilidade social ou que tenham sido dependentes de substâncias psicoativas.

Toda ação pública só tem sentido se mudar a vida das pessoas. A felicidade é poder contribuir com a mudança da vida dessas pessoas. O certificado nada mais é que um papel e um conjunto de letras, mas, a partir dele, enxergamos em pessoas em situação de vulnerabilidade, uma oportunidade de melhoria de vida. A partir do aprendizado, que trouxe a formação, podem produzir, trabalhar e ter uma nova oportunidade de vida”, comenta Samuel Silveira.

Sobre o espaço

Os encaminhamentos para a Casa do Caminho, geralmente, são realizados pelo Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), pela Rodoviária de Teresina e pelas Unidades Básicas de Saúde (UBS). A Casa do Caminho não recebe somente moradores de ruas. As vagas são destinadas, também, àquelas pessoas que estão em trânsito por Teresina, entre uma viagem e outra; pessoas que se encontram em situação de infortúnios, como assaltos, perda de dinheiro; pessoas de outras cidades que vêm à capital em busca de tratamento médico e não possuem familiares em Teresina.

Pessoas em situação de rua concluem curso profissionalizante em Teresina

Esse projeto veio dar alegria. Quando estou na rua não tenho a felicidade que tenho estando aqui. Já fui dependente químico e o curso me levou a viver mais. Ajudou muita gente e, pra mim, foi uma oportunidade única”. Assim, Francisco Wagner define a importância do curso Arte em Mosaico, ofertado pelo projeto Livre para Viver, no Centro de Referência Especializado para população em situação de rua (Centro POP), vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi).

Nesta terça-feira (6), 15 pessoas em situação de rua concluíram o curso, que foi ofertado às terças, quartas e quintas-feiras, pela manhã, no Centro. As aulas, que contabilizaram 80 horas  de instrução, contribuíram tanto para a formação técnica, quanto para o desenvolvimento pessoal, como destaca Aline Kelly de Brito, coordenadora técnica do projeto Livre para Viver.

Além da técnica, o curso oportuniza a autonomia, sensibiliza sobre as situações de risco na rua e leva a uma reflexão, pois também trabalhamos eixos como a cidadania, atrelados ao empreendedorismo. E, ao mesmo tempo em que desenvolvem as ações relativas a oficina, também são acompanhados por técnicos – pedagogos e psicólogos – que trabalham a socialização das pessoas em situação de rua, fortalecimento da convivência entre eles, resgate da autoestima, com vistas ao retorno do convívio familiar e social”, destaca Aline.

Com a conclusão das aulas, a perspectiva é que no mês de novembro seja definido um novo curso para ser ofertado aos usuários.  “Toda ação pública só tem sentido se mudar a vida das pessoas. A felicidade de hoje de manhã foi ver vidas sendo mudadas. O certificado nada mais é que um papel e um conjunto de letras, mas, a partir dele, enxergamos em pessoas em situação de rua, uma oportunidade de melhoria de vida. A partir do aprendizado, que trouxe a formação, podem produzir, comercializar e ter uma nova oportunidade de vida”, comenta Samuel Silveira, secretário da Semcaspi.

O projeto Livre para Viver visa à promoção dos direitos de cidadania para pessoas em situação de vulnerabilidade social, ou que tenha sido usuárias de drogas. O Centro POP oferta o Serviço para População em Situação de Rua, que funciona de segunda a sexta-feira, de 8h às 18h. A instituição também oferta o Serviço Especializado em Abordagem Social (SEAS), que consiste em identificar pessoas em situação de rua, através dos Agentes de Proteção Social (APS), ofertando atendimento. O serviço é prestado de domingo a domingo, nos três turnos.

Prefeitura lança edital do concurso da Guarda Municipal de Teresina na próxima segunda (5)

A Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi), lançará, na próxima segunda-feira (5), o edital do segundo concurso para a Guarda Civil Municipal de Teresina, para preenchimento direto de 75 vagas, além da formação de cadastro de reserva.

As inscrições estão previstas para acontecer no período de 26 de novembro a 27 de dezembro deste ano. O processo seletivo será realizado pelo Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe), com a primeira prova estando prevista para acontecer no início de janeiro de 2019. Ao todo, serão seis etapas classificatórias no concurso, incluindo o Curso de Formação para os guardas. Os candidatos classificados para o cadastro de reserva poderão ser convocados em até dois anos, no máximo.

“A perspectiva é de que chamemos um número maior do que estamos prevendo inicialmente. Queremos, com esse concurso, fortalecer a Guarda Municipal, que é uma instituição nova, mas que já tem sua importância e representatividade para nossa cidade. O trabalho da Prefeitura de Teresina é, depois de criá-la, fortalecê-la, porque isso se traduz em melhores resultados para a segurança dos teresinenses”, declara o secretário da Semcaspi, Samuel Silveira.

Criada por meio da Lei complementar n° 3.834, a Guarda Civil Municipal de Teresina atua nas praças da Bandeira, Rio Branco, do Fripisa e dos Skatistas; parques Lagoas do Norte, Estação da Cidadania, Floresta Fóssil e Encontro dos Rios; Centro Unificado de Esporte e Lazer (CEU) Sul e Norte e Complexo Esportivo José Ponce Filho (Parentão); Centro Pop, Restaurante Popular de Teresina e Corredores e Terminais de Integração do Itararé, do Parque Piauí e Bela Vista.

A Guarda atua, ainda, nos projetos “Teresina Protege” e “Educando para Prevenir”, que integram as ações do Programa Vila Bairro Segurança. O edital estará disponível a partir das 8h, nos sites do Nucepe, da Prefeitura de Teresina e da Semcaspi.

Guarda Municipal de Teresina realizará patrulhamentos durante o segundo turno em zonas eleitorais

No próximo domingo (28), os eleitores de todo o país voltam às urnas para o segundo turno das eleições. Para garantir a proteção ao patrimônio público e assistência à comunidade em Teresina, a Guarda Civil Municipal (GCM) realizará rondas preventivas nas zonas eleitorais da capital.

Ao todo, serão mais de 40 mulheres e homens que atuarão em casos de boca de urna, danos ao patrimônio e contra a integridade das pessoas que foram votar. “A Guarda Municipal, com o fim de garantir uma votação tranquila, replicará a programação do primeiro turno, visto que foi um evento tranquilo e conseguimos assistir a todas das zonas eleitorais solicitadas pelo TRE”, destaca Lorena Silva, agente do comando da Guarda Municipal.

A Guarda Municipal de Teresina atua, primordialmente, na segurança ao patrimônio público e assistência à comunidade. O órgão é vinculado à Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi). Atualmente, a Guarda atua em pontos fixos nas praças da Bandeira, Rio Branco e do Fripisa e faz patrulhamento preventivo na Praça dos Skatistas. Além desses pontos, o órgão está presente no Parque Lagoas do Norte, Parque Estação da Cidadania e Parque Encontro dos Rios, Centro Unificado de Esporte e Lazer Sul e Norte (CEU) e Complexo Esportivo José Ponce Filho (Parentão).

A GCM realiza, ainda, o patrulhamento no Centro Pop, Restaurante Popular de Teresina, Parque Floresta Fóssil e Corredores e Terminais de Integração do Itararé, do Parque Piauí e Bela Vista.