Nesse domingo (24), aconteceu a 8ª operação do programa Vila Bairro Segurança, com a realização do Blitz Sufoco na Avenida Centenário, e o Teresina Protege em bares e estabelecimentos na zona Norte de Teresina. A operação foi coordenada pelo major Gilson Leite, da Polícia Militar, que contou com efetivo da Polícia Militar, agentes da Strans, integrantes da Guarda Municipal, além de representantes da SDU/Norte.

Também acompanhou o trabalho, o representante do Instituto Cidade Segura e membro do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, Alberto Kopittke, que monitora ações desse nível em outras cidades do país. “A gente acredita muito nessa integração de forças. Sozinha, cada corporação vive suas dificuldades, seus desafios. Mas quando a gente une, isso traz muito resultado. Hoje, muitas cidades têm feito operações como essas realizadas aqui em Teresina e isso dá um grande trabalho porque previne homicídios e a violência”, destaca.

A operação Blitz Sufoco realizou 376 abordagens a motoristas na Avenida Centenário. Segundo o agente Fábio Lúcio, da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans), foram removidos oito veículos; sete veículos não tinham licenciamento; nove motoristas estavam sem habilitação (CNH); nove motociclistas sem capacete; dez caronas de motocicletas sem capacete; além de um veículo sem placas e quatro sem retrovisor.

Já a operação Teresina Protege identificou dois estabelecimentos com funcionamento irregular. Em um deles, no bairro Matadouro, foi aplicada multa por explorar atividade diferente do licenciamento regular. Outro, no bairro São Joaquim, foi fechado porque já havia sido interditado anteriormente por permitir o acesso e a venda de bebidas para adolescentes.

A equipe do Juizado da Infância e da Adolescência do Tribunal de Justiça do Piauí conduziu uma adolescente – que estava sem documento de identificação – junto com a mãe até a Central de Flagrantes da Polícia Civil, para os procedimentos legais. Também foram conduzidos os proprietários de um espaço, com a apreensão da adolescente, que funcionava irregularmente, descumprindo a interdição feita há 30 dias pelos fiscais da Superintendência de Desenvolvimento Urbano (SDU/Norte), em outra operação do Vila Bairro Segurança.

O major Gilson Leite, comandante da operação da Vila Bairro Segurança realizada nesse domingo (24), avaliou como positiva a operação, que passou por vários bairros, inclusive o Poty Velho, com grande fluxo de pessoas devido à festa do padroeiro, São Pedro. Fizemos, simultaneamente, tanto a Blitz Sufoco como o Teresina Protege, com a visita em vários estabelecimentos, inclusive uma casa de shows já visitada pela blitz, que estava funcionando irregularmente. Lá, flagramos uma adolescente que foi encaminhada para Central de Flagrantes, além dos proprietários por permitir a presença de menores e descumprir a interdição já feita. Então, o resultado foi positivo, em todos os aspectos”, ressalta o major Gilson Leite.

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).